Conheça os principais instrumentos de corda

Violão, guitarra, baixo, cavaquinho… Que tal aprender mais sobre os principais instrumentos de corda?

 Os instrumentos de corda são os responsáveis pela iniciação musical de muitas crianças e adultos. Fáceis de encontrar e com muitas opções para aprendizagem, eles têm características comuns, mas benefícios bem específicos de cada um. A seguir, conheça alguns dos principais instrumentos de corda e entenda o porquê praticá-los:

 

Violão

O violão é a porta de entrada e um dos principais instrumentos de corda escolhidos para a iniciação musical. Muito popular, pode ser encontrado mesmo em lojas não especializadas, o que facilita a aproximação e quebra a barreira inicial para quem busca aprendê-lo.

A base teórica alcançada pode ser utilizada também em outros instrumentos, diminuindo o tempo de aprendizagem deles.

Além disso, um estudo da Universidade McGill, do Canadá, comprovou que escutar e tocar violão libera dopamina, mais conhecida como hormônio da felicidade.

 

Guitarra

 Os modelos mais comuns de guitarra têm 6 cordas. É um instrumento buscado inicialmente por quem quer tocar batidas mais fortes, como presentes no rock. O recomendado, entretanto, é que a iniciação seja feita no violão e depois ocorra a transição para guitarra.

Por ser elétrica, ela permite o uso junto com amplificadores e fones de ouvido, uma vantagem que não pode ser seguida nos outros instrumentos dessa lista. É um diferencial importante para quem mora em apartamento ou só consegue praticar à noite/madrugada sem atrapalhar vizinhos e demais moradores.

A guitarra é instrumento essencial em qualquer banda, por isso, quem optar por tocá-la ampliará as habilidades de trabalho em equipe e sociabilidade. Outro atrativo importante: assim como acontece com o violão, há farta disponibilidade de tablaturas na internet para quem busca, logo de início, conseguir tocar a música favorita.

 

Baixo

Um acorde fora de ritmo do guitarrista pode passar despercebido, mas uma nota de baixo errada fica sempre nítida. Por isso, esse instrumento ajuda muito a aprimorar o “ouvido musical” e a precisão. Como precisa focar o tempo inteiro no ritmo, o baixista tem que manter a concentração durante longos períodos. 

 

Cavaquinho

Cavaquinho é quase sinônimo de samba ou pagode. Assim, quem tem familiaridade com estes estilos musicais vai se sentir mais confortável para o aprendizado. Com apenas 4 cordas em aço, ele tem como benefício também a praticidade do tamanho, podendo ser carregado para qualquer lugar sem muito problema.

As dimensões menores em relação a outros instrumentos desenvolvem bastante as habilidades motoras, já que é necessário ter precisão nas notas ao trabalhar em espaços menores no braço do cavaquinho. Há algumas variações parecidas, como o ukulele, instrumento havaiano que possui 4 cordas em nylon e faz parte também da “família” dos violões.

Conheça a diferença entre cavaquinho e ukulele

 

Violino 

O violino tem 4 cordas e é um dos principais instrumentos de corda. Seu som agudo característico sempre foi associado a grandes orquestras, mas de uns tempos para cá já é possível ver violinistas em performances ao vivo até em show de pop e rock.

Como não é popular como os outros, a prática do violino proporciona muitos momentos solitários, que servem tanto para aumentar o autoconhecimento como favorecem a concentração. O treino com mais foco gera melhores resultados, como o aumento de habilidades motoras e cognitivas.

Conheça o papel do violino para a musicalização

 Citamos aqui os principais instrumentos de corda. Se você tem interesse em estudar música e gosta de algum deles em particular, fale com a gente. A musicalização trará muitos benefícios à sua vida.